Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado de Minas Gerais

Notícias

Notícia | 10/12/2014

Crescem apreensões de drogas nas rodovias federais

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu neste ano um volume 42% maior de drogas (maconha, cocaína e crack) do que o recolhido ao longo de todo 2013 nas BRs do Estado. Dados da corporação mostram que, no ano passado, foram interceptados 6.439 kg de entorpecentes contra 9.137 kg, de janeiro até o dia 15 de novembro deste ano.

O chefe da comunicação da PRF em Minas, Aristides Júnior, acredita que o aumento das apreensões tem relação com a conclusão da implementação dos Grupamentos de Policiamento Tático (GPTs) no Estado, em 2014. Nesses grupos, policiais especializados no combate ao tráfico de drogas recebem treinamentos externos e internos, incluindo a troca de experiências com outros agentes. “Há policiais federais espalhados por todo o território, o que facilita a troca de informações”, argumenta Júnior.

Segundo o inspetor, o trabalho é tático, diuturno e não se concentra em uma só rodovia. “A criminalidade se adaptou, e o tráfico não é feito em grandes quantidades”, revela. O inspetor relata ainda que a atuação dos policiais não sofre alteração por causa de feriados ao longo do ano.

Existe também, por parte da corporação, o objetivo de melhorar o contato com o motorista e aprimorar as revistas dos carros. Além disso, a PRF trabalha com um serviço de inteligência. “Nenhuma polícia consegue êxito sem um trabalho de inteligência de ponta”, diz Júnior. Por motivos de segurança, ele não detalhou a forma de atuação dos GPTs nem como a formação é feita.

A assessoria de imprensa da PRF em Brasília informou que os grupamentos começaram a atuar em 2010 em cidades do interior do país, e as atividades foram intensificadas nos últimos dois anos. Ainda conforme a corporação, os treinamentos ocorrem em operações temáticas. Quando é verificada a necessidade do treinamento com relação ao narcotráfico, profissionais do país inteiro são mobilizados. No local, recebem a capacitação tanto o efetivo especializado quanto os agentes da delegacia local.
Análise.

Para Guaracy Mingardi, membro do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o crescimento do número de e entorpecentes recolhidos em estradas federais de Minas pode estar ligado ao fato de que alguns trechos rodoviários se tornaram passagens para o tráfico de drogas. “A rota muda a cada dois ou três anos, pode não ser uma rota principal, mas uma secundária”.

Abordagens

Sul de MG. No dia 25 de outubro deste ano, a PRF apreendeu 2,5 toneladas de maconha na BR–381, em Pouso Alegre, no Sul de Minas. A carga estava escondida num caminhão com melancias. Os policiais desconfiaram de um casal que escoltava o caminhão carregado e fizeram a abordagem.

No país. Reportagem exibida anteontem no “Fantástico”, da TV Globo, mostrou uma investigação da PRF com o Ministério Público que resultou na apreensão de 20 toneladas de drogas e no decreto de 223 prisões. A investigação começou no Rio Grande do Norte, onde a quadrilha atuava desde 2010, e atingiu os Estados de São Paulo, Paraná e Paraíba. A apuração durou dez meses.

 

Fonte: Portal O Tempo

Galeria de Imagens


Compartilhe:


Expediente

Horário de Atendimento:


08h00 - 12h00

13h00 - 17h00

Contatos

Telefones:


(31) 3388-6101
(31) 98455-0061
(31) 99885-8302
0800-283-0076

E-mails:








Endereço:


Av. Presidente Juscelino Kubitscheck, 10270

Bairro Califórnia - Belo Horizonte, MG

CEP 30.855-450

Google Maps

Topo